LEGADO

Francisco Gomes

O mundo em seu caos harmônico

continuará vivo pulsando futuro

e o desespero ao alcançar o toque

já não suspirará nem agredirá

a vontade voluntária do autoisolamento.

O mundo em seu amanhã tão esperado

irá expor as faces devastadas

: resquícios mútuos de medo

  ainda nos acompanharão de mãos dadas

  mesmo na certeza do não uso obrigatório

  de máscaras descartáveis ou personalizadas.





Talvez Migliaccio pensasse num mundo diferente

do mundo que pensaria Michael McClure.

Talvez não.

Penso

num mundo de possíveis continuidades

onde utopias continuarão utópicas

sonhos permanecerão intactos

e a tristeza estará estampada nos rostos

dos desempregados, desamparados, órfãos.

A Humanidade continuará Vitruviana

: sentimentos à flor da carne

  esperança que não morre

  resistência que nunca acaba.

Contato: francisco.gomes.contato@gmail.com

instagram: @franciscogomes.fg

Sobre o Autor

Francisco Gomes (Campo Maior–PI, 1982). Vive em Teresina–PI. É poeta e músico. Autor do CD “Diafragma – Poemas em áudio” (formato físico, 2018; formato digital, 2020). Além de obras inéditas e em construção, publicou 4 livros, entre eles: Poemas Cuaze Sobre Poezias (FCMC, 2011) — 1º lugar na categoria Poesia do Concurso Literário Novos Autores/2008, através da Prefeitura de Teresina — e O Despertar Selvagem do Azul Cavalo Domesticado (Multifoco, 2018). Edita o blog Pulso Poesia. Tem poemas em revistas, antologias, sites etc. Dedica-se cotidiana e arduamente à poesia, num trabalho de pesquisa, leitura, contemplação e escrita.